Yak-38 & Yak-38M

O Yak-38 foi um caça soviético com VTOL desenvolvido no começo dos anos 70 pela Yakovlev para os porta-aviões Kiev. Em breve duas variantes deste avião vão entrar no topo da árvore soviética já na atualização New Power!

Resumo: O primeiro avião operacional soviético com VTOL, combinando a asa fixa dos aviões tradicionais com decolagem vertical.

Yakovlev Yak-38M, Jato, URSS, Nível VI

Prós

  • Decolagem vertical
  • Vasta gama de armamento
  • Bónus premium (Yak-38)

Contras

  • Subsónico
História

Embora os engenheiros soviéticos tenham começado a desenvolver sistemas VTOL em aviões de asa fixa desde o começo dos anos 60, só em Dezembro de 1967 é que começaram a desenvolver um avião de ataque e versão de treinamento com este novo sistema. Os engenheiros da Yakovlev começaram os trabalho no novo avião no final dos anos 60 com base na experiência ganha no desenvolvimento do Yak-36, um desenho de demonstração com VTOL.

O novo avião, designado Yak-36M, foi desenvolvido para serviço na linha da frente tanto para bases terrestres como porta-aviões. A função principal do avião era enfrentar alvos aéreo, de superfície e se necessário helicópteros.

Não muito tempo após o começo do projeto, o primeiro protótipo foi concluído e fez seu primeiro voo em Dezembro de 1970. Subsequentes protótipos e testes focaram-se no desempenho da aeronave, nomeadamente no sistema VTOL. Em 1973, o avião foi considerado pronto e a produção em série começou.

Após alguns testes posteriores e treinamento da tripulação, o avião entrou oficialmente em serviço na marinha soviética em Agosto de 1977 com a designação Yak-38. Em 1982, cerca de 140 Yak-38 foram construídos, todos a servindo a bordo do porta-aviões Kiev. Em meados dos anos 80, a versão modernizada Yak-38M entrou em serviço com novos e mais poderosos motores assim como outras melhorias. Mais cerca de 50 Yak-38M foram construídos antes de serem descomissionados em 1991.

image
image

No War Thunder, o Yak-38 e sua versão posterior é a resposta ao Harrier britânico, que também vai chegar com a próxima atualização New Power. Ao contrário do Harrier, o Yak-38 incorpora um desenho menos ortodoxo, oferecendo aos pilotos uma mais vasta gama de armamento, que o tornará um avião respeitado no campo de batalha!

Entre as maiores diferenças que distingue o Yak-38M do Harrier está o facto do Yak-38M estar equipado com três motores, enquanto o Harrier possui apenas um. O motor principal é um turbofan Tumansky R-28-300 com 7000 kgf. O restantes dois são turbojatos Kolesov RD-38 montados na vertical atrás do cockpit com 3250 kgf de potência cada.

Download Wallpaper:

Os dois motores atrás do cockpit são usados apenas para manobras verticais. O motor Tumansky é usado tanto para manobras verticais como horizontais. Os piltoos podem ver facilmente esta sinfonia da engenharia durante as decolagens verticais, pois tanto as escotilhas ventrais como dorsais do avião abrem para permitir o fluxo de ar, enquanto o exaustor do motor traseiro aponta para baixo. A velocidade do Yak-38M pode alcançar os 1145 km/h e cerca de 450 em modo de hover.

Devemos também mencionar que o avião tem acesso a uma vasta gama de armamento, podendo ser equipado com bombas, foguetes, casulos de armamento e ainda munições guiadas, desde os famosos mísseis ar-ar R-60 aos ar-terra Kh-23M. Isto permite fazer vários tipos de missões de combate, desde apoio ao solo a patrulha aérea.

Enquanto o Yak-38M vai estar disponível a todos os pilotos no topo da linha dos Yak, a versão base Yak-38 vai ser exclusiva de um bundle na loja online. Embora as diferenças entre ambos sejam mínimas, o Yak-38 oferece maiores recompensas devido ao estatuto premium e acesso imediato à avião com VTOL!

Os Yak-38 e Yak-38M estão a chegar ao War Thunder como parte da atualziação New Power e em breve vão voar no topo da árvore soviética. Entretanto continue de olho nas notícias para saber o que está quase a chegar com a atualização New Power!


A Equipe War Thunder

Devblogs anteriores

 

 

Arquivos de cookies

Esta página utiliza cookies. Ao continuar a aceder esta página, você concorda com a utilização de cookies.