Harrier

O Hawker Siddeley Harrier foi o primeiro avião de decolagem vertical de sucesso. Desenvolvido nos anos 60, várias variantes estão agora a chegar ao War Thunder com a atualização New Power!

Resumo: Um avião britânico dos anos 60 inovador na tecnologia de decolagem vectorial vertical, e o primeiro avião com capacidade V/STOL.

Harrier, caça a jato, Grã-Bretanha/EUA, Níveis V e VI.

Prós

  • VTOL
  • Armamento secundário versátil
  • Bónus de premium (variantes AV-8A & Harrier GR.1)

Contras

  • Subsónico
  • Armamento limitado
História

No final dos anos 50, a Bristol conduziu trabalhos no âmbito do desenvolvimento de tecnologia de motores verticais. A Hawker, impressionada com o novo motor, começou a trabalhar com a Bristol para desenvolver um avião que pudesse aproveitar ao máximo o potencial do novo motor Pegasus. A ideia básica foi desenhar um avião com capacidade V/STOL. A partir desse ponto o projeto ficou conhecido como P.1127.

No começo dos anos 60, o aumento do interesse nos aviões de ataque V/STOL era notório entre os membros da OTAN. Isto resultou num acordo entre os EUA, Grã-Bretanha e Alemanha em 1961 para encomendar nove versões modificadas do P.1127, a primeira versão que foi testada no ano anterior. Na mesma altura, a versão que foi testada pelos britânicos foi designada de Kestrel FGA.1.

Apesar de sofrer vários atrasos com o P.1154 - a versão supersónica desenvolvida pela Hawker em paralelo - avaliações do Kestrel continuaram como planeado e foram concluídas em Nobembro de 1965. Após o cancelamento do P.1154, a RAF apresentou resultados mais positivos do Kestrel, colocando um requerimento de modificação e colocou uma encomenda de seis aviões pré-produção, designados de P.1127 (RAF). Após o primeiro voo em Agosto de 1966, a RAF extendeu a encomenda para 60 aeronaves, agora com a designação oficial de Harrier GR.1.

O Harrier GR.1 fez seu primeiro voo em Dezembro de 1967 e entrou em serviço na RAF em Abril de 1969. Como foi envolvido no começo do desenvolvimento do avião, os EUA também mostraram interesse no Harrier. Isto resultou num acordo de parceria entre as Hawker Siddeley e McDonnell Douglas no final dos anos 60 para entrega de Harriers para a USMC no começo dos anos 60. Nos EUA, o avião recebeu a designação de AV-8 Harrier.

O Harrier foi inicialmente usado pelas forças britânicas na Alemanha Ocidental no começo dos anos 60. No entanto, o Harrier acabou sendo usado nas Guerra das Malvinas em 1982, efetuando sortidas de ataque e patrulha (neste caso efetuadas pela variante Sea Harrier FRS.1) com grande sucesso, ganhando uma reputação invejável. 

Para além dos britânicos e norte americanos, os Harrier também foram operados pela Espanha, Tailândia e Índia. No total, cerca de 270 Harriers foram produzidos em todas as variantes, sendo retirados de serviço apenas no começo dos anos 2000. O Harrier original foi sucedido eventualmente pelo Harrier II, mas mais importante que isso, provou a viabilidade das aeronaves V/STOL, gerando interesse constante que se vê ainda hoje.

image
image

No War Thunder, o Harrier vai ser o primeiro avião V/STOL a chegar ao jogo, dando uma nova experiência através de quatro variantes, duas das quais premium! Como se trata de um novo avião no jogo, o Harrier combina as características chave dos aviões de asa fixa e helicópteros!

Ao contrário de todos os restantes aviões do jogo, o Harrier tem sistema de propulsão vectorial vertical - uma funcionalidade que fica clara se olharmos para os dois exaustores de cada lado da fuselagem. O ângulo dos exaustores pode ser manualmente alterado entre 0 a 98º, e com força suficiente pode decolar verticalmente, dependendo do ângulo de ataque dos exaustores. Em voo o mesmo ângulo pode ser variado para alterar as características de voo do avião, mas será necessário alguma experiência para o fazer! Para além disso, os pilotos poderão entrar em modo de hover com apenas um botão de forma similar aos helicópteros, permitindo pairar e evitar deteção inimiga a baixas altitudes.

Download Wallpaper:

Agora que os pilotos entendem um pouco como o Harrier funciona, vamos detalhar um pouco mais o avião em si. No coração do avião está o motor turbofan Rolls-Royce/Bristol Pegasus, e dependendo da versão do motor, pod egerar entre 8618 - 9752 kgf, permitindo alcançar velocidades entre os 1100 e 1200 km/h. O Harrier não consegue suster velocidades supersónicas em circunstâncias normais, especialmente se estiver carregado de armamento. No entanto, os pilotos podem puxar pelos limites do avião e quebrar a barreira do som em mergulho, assumindo que não parte as asas entretanto.

Abaixo resumimos as várias versões que serão introduzidas no jogo; 

Harrier GR.1

(Great Britain, V rank, GE premium)

  • The first production variant of the Harrier to enter service with the RAF.

Harrier GR.3

(Great Britain, VI rank) 
 

  • The upgraded RAF Harrier, featuring a more powerful Pegasus 11 engine.

AV-8A Harrier

(USA, V rank, premium, Store pack)

  • The first Harrier modification to enter service with the USMC. Equipped with the same engine found on the GR.3.

AV-8C Harrier

(USA, VI rank) 
 

A later modification of the US Harrier, created by upgrading the AV-8A.

Todas as modificações do Harrier vêm equipadas com um par de canhões ADEN de 30 mm. No entanto, seu arsenal pode ser aumentado via instalação de mísseis ar-ar, bombas e foguetes não guiados. Isto significa que os pilotos podem idealmente equipar seu avião para a tarefa que pretendem, quer seja ataque ao solo ou patrulha aérea. No entanto, devemos notar que o Harrier não brilha em nenhuma destas tarefas.

A capacidade de carga do Harrier é relativamente limitada, mas a tecnologia VTOL permitem literalmente pairar no campo de batalha a altitudes virtualmente indetetáveis e podendo atacar intrusos distraídos que entrem em seu espaço aéreo!

Os jogadores poderão ter acesso a duas versões premium, a norte americana AV-8A como parte de um bundle e o britânico Harrier GR.1 por Golden Eagles. Com desempenho similar às versões da árvore normal, os Harrier GR.1 e AV-8A oferecem ganhos de Silver Lions e experiência acrescidas pelo seu desempenho em partida, assim como acesso instantâneo a esta lenda dos anos 60.

O Harrier é uma dos mais excitantes máquinas adicionadas na próxima atualização New Power. No entanto, ainda há muito para mostrar!


A Equipe War Thunder

Devblogs anteriores

 

 

 

 

 

Arquivos de cookies

Esta página utiliza cookies. Ao continuar a aceder esta página, você concorda com a utilização de cookies.