War Thunder background
ZSU-23-4 Shilka
Atenção! Esta notícia foi publicada na versão antiga da página. Pode haver problemas com a mostragem da mesma em certas versões do navegador.


Com a chegada a era dos jatos, ficou claro que as antiaéreas anteriores eram incapazes de anular os aviões a jato. Vários países começaram a desenhar sistemas de defesa antiaérea moveis capazes de detetar e abater alvos rápidos a várias altitudes. Na atualização 1.63 Caçadores do Deserto vamos introduzir algumas das mais famosas antiaéreas do pós-guerra. Nós já vos falámos da norte americana M163 Vulcan. A próxima lenda que vos queremos mostrar é a soviética ZSU-23-4 Shilka!



Apelidado em honra a um rio do Extremo Oriente, a Shilka foi o primeiro sistema antiaéreo com armas de arrefecimento liquido. Antes dos anos 60, todos os sistemas antiaéreos russos tinham armas de arrefecimento a ar, e isto tinha um efeito negativo na sua cadência de tiro. Desenhado com base do ASU-85, o Shilka tinha uma torre blindada com quatro autocanhões de 23 mm de arrefecimento liquido, permitindo ao veículo disparar um verdadeiro rio de balas em direção ao inimigo - até 3400 tiros por minuto!


Wallpaper: 1280x1024 | 1920x1080 | 2560x1440


Equipamento de radar moderno permitiu ao Shilka enfrentar aeronaves a altitudes entre os 100 e 1500 metros, entre 200 e 2500 metros, e voando a velocidades superiores a 1600 km/h. O Shilka foi produzido em grandes quantidades a partir de 1962, e numerosos melhoramentos e avanços foram feitos aos seus componentes e linhas de montagem ao longo do tempo. Até mesmo agora que muitos sistemas de artilharia substituíram o Shilka, o ZSU-23-4 permanece em serviço em vários países (embora primariamente para destruir alvos terrestres).



No War Thunder, o Shilka é adequado para destruir jatos - a sua elevada cadência de tiro, rotação da torre elevada e elevados ângulos verticais permitem cuidar de qualquer alvo a baixas altitudes com facilidade. No entanto, não conte com a ZSU-23-4 no papel de antitanque - claro que uma rajada de munições penetrantes na lateral de um Leopard ou outros veículos leves garante a saída do condutor de volta ao hangar, mas em geral, as munições penetrantes do Shilka não são eficientes contra alvos terrestres. Além disso, a blindagem é de apenas 9-15 mm de espessura, o que significa que é mais seguro ficar longe de tanques inimigos.


O ZSU-23-4 Shilka será um excelente defensor das equipes terrestres de nível elevado. Fique ciente das vantagens e desvantagens e use esta mortífera antiaérea de forma eficaz. Encontramos-nos na atualização 1.63 Caçadores do Deserto! Boas caçadas!


A Equipe War Thunder

Devblogs anteriores:

Ler mais:
Inferno Cannon: PLZ83-130
  • 24 abril 2024
Veículos do Battle Pass: Kungstiger
Battle Pass: P-51C-11-NT Mustang (China)
Battle Pass: USS Flagstaff
  • 17 abril 2024

Comentários (5)

A notícia já não está disponível para comentar