21 agosto 2018

Helicópteros no War Thunder: UH-1C e Mi-4V

Estamos orgulhosos de apresentar um novo tipo de unidade - helicópteros de combate! Eles desempenham um papel importante na guerra moderna e são uma parte integral de muitas forças aéreas. É por essa mesma razão que eles estão prestes a chegar ao War Thunder! Os UH-1 Iroquois e Mi-4 vão chegar ao War Thunder já na próxima atualização 1.81!

UH-1

O UH-1 Iroquois, mais conhecido por Huey, é o helicóptero norte americano desenvolvido no final dos anos 50 em resposta à exigência do exército por helicópteros utilitários. O UH-1C será uma das variantes do lendário Huey presentes no War Thunder na atualização 1.81! 

image
image

O desenvolvimento do UH-1 começou em 1952, após o Exército dos EUA definir os requerimentos para um novo helicóptero utilitário com ênfase na capacidade de desempenhar evacuações médicas. Após passar com sucesso nos testes, o Model 204 da Bell entrou em produção sob a designação oficial de HU-1 Iroquois (embora a fama do nome “Huey” o viesse a ultrapassar). Em breve os UH-1B seriam empregues. A Bell continuou a melhorar o Huey em todos os aspetos, resultando na criação da próxima variante, o UH-1C. Esta versão tinha um motor ainda mais potente, juntamente com outros melhoramentos que aumentavam a velocidade e manobrabilidade, tornando esta versão mais adequada para operações de ataque. O Huey ganhou a sua fama devido às sua extensas e variadas missões no Vietname. 

Mi-4

O Mi-4 é um dos primeiros helicópteros multifunções soviéticos a ser produzido em massa e usado tanto ao nível militar como civil no inicio dos anos 50. No War Thunder, o Mi-4 vai estar entre os primeiros helicópteros soviéticos disponíveis na atualização 1.81!

image
image

O Mi-4 foi usado em diferentes operações militares e civis, pelo que ganhou rapidamente uma forte reputação devido à sua capacidade de carga e fiabilidade. Durante a sua prdução (1952 - 1979), cerca de 3 000 Mi-4 foram manufaturados, incluindo 500 chineses sob licensa Harbin Z-5. Mesmo após a produção ter cessado, a reputação do Mi-4 continuou a ser usada pelos seus vários operadores por todo o mundo, eventualmente ultrapassando os 50 anos de serviço. Apesar deste longo registo de atividade, o Mi-4 nunca esteve em combate, nem mesmo nos conturbados tempos da guerra fria.

Comentários (2)

A notícia já não está disponível para comentar

Arquivos de cookies

Esta página utiliza cookies. Ao continuar a aceder esta página, você concorda com a utilização de cookies.