War Thunder background
A-10A Thunderbolt II

O A-10 Thunderbolt II é um avião de ataque norte americano desenvolvido nos anos 70 pela Fairchild Republic e hoje um dos mais conhecidos aviões norte americanos. Na atualização Wind of Change teremos duas versões do lendário Warthog, uma na árvore de pesquisa e outra premium!

Uma das lendas do CAS norte americano, conhecido pelo desenho e pelo canhão rotativo!

A-10A Thunderbolt II, Avião de ataque, EUA, Nível VII

Ativos:

  • Canhão rotativo de 30 mm GAU-8 Avenger;
  • Vasta gama de sistemas de armas;
  • Boa capacidade de suster danos;
  • Subsónico.
História

Após a Segunda Grande Guerra, os designers de aviões norte americanos mudaram o foco para o desenvolvimento de aviões táticos capazes de empregar armamento nuclear enquanto os aviões de ataque convencionais ficaram para trás na nova doutrina militar norte americana. No começo da Guerra do Vietnam, o A-1 Skyraider, um dos mais usados aviões norte americanos foi considerado claramente obsoleto. Mais, novos aviões como os bem sucedidos F-4 Phantom II provaram ser demasiado caros para operações de ataque.

Em Setembro de 1966 a USAF ordenou a procura por um novo avião CAS, resultando no programa A-X. Em Maio de 1970 os primeiros requerimentos foram emitidos, incluindo a necessidade de desenhar um novo canhão rotativo de 30 mm. Das seis construtoras de aviões que submeteram propostas, as duas da Northrop e Fairchild Republic foram escolhidas para desenvolvimento posterior, resultando nos YA-9A e YA-10A, respetivamente. Após testes a ambos os protótipos, o YA-10A foi declarado vencedor e ordenado para produção em Janeiro de 1973.

Após a USAF receber a primeira versão de produção do A-10 em Novembro de 1975, o avião recebeu o nome oficial Thunderbolt II em Abril de 1978 em honra ao P-47, também construído pela companhia Republic. Embora o A-10 fosse entregue a uma unidade militar em Março de 1976, foi necessário esperar pela Guerra do Golfo em 1991 pela primeira operação de combate. No conflito em causa, o A-10 recebeu seu batismo de fogo e provou o sucesso do desenho, amontoando inúmeros alvos destruídos. Os A-10 também foram empregues na Guerra dos Balcâs nos anos 90 e na Invasão do Afeganistão nos anos 2000. Apesar da idade os A-10 Thunderbolt II ainda formam a base do CAS da USAF com mais de 700 unidades produzidas.

image
image

No War Thunder, o lendário A-10A Thunderbolt II será o novo avião de ataque do topo da árvore norte americana na próxima atualização Wind of Change. Armado até aos dentes com um canhão rotativo de 30 mm e uma plétora de armamento convencional, o A-10 garante apenas uma coisa, batalhas explosivas!

Antes de entrarmos em detalhes acerca dos ''brrrrrt'', temos de mencionar o igualmente impressionante avião em si. O Thunderbold II está equipado com dois motores turbofan TF34-GE-100A com um total de 8900 lbf (4037 kgf), capazes de propulsionar o avião até aos 736 km/h. Embora pareça bastante inferior à maioria dos aviões do mesmo nível, alguns dos quais conseguem alcançar Mach 2, devemos ter em consideração que o A-10A não necessita sequer de ser rápido. Trata-se de um avião dedicado a CAS e a baixa velocidade dá aos pilotos margem para focar nos alvos e executar ataques de precisão. Da mesma forma, a velocidade reduzida e o desenho do avião permitem uma boa manobrabilidade, mesmo quando armado até aos dentes.

Download Wallpaper:

No que toca ao armamento, todos os pilotos terão acesso ao sistema de armas que torna o Thunderbolt II o avião icónico que é. Estamos falando do canhão rotativo de 30 mm GAU-8/A Avenger. Conhecido pela cadência de tiro extrema de 4200 munições por minuto, o A-10A é capaz de desfazer qualquer inimigo em menos de nada. Isto não se aplica apenas a blindados leves, mas também aos mais pesados dos MBT. A destruição do A-10 infligida aos inimigos deve-se não apenas à cadência de tiro, mas também às extremamente potentes munições AP. Se a salva não for suficiente para destruir qualquer inimigo, o simples som fará o resto!

A parte inferior do cockpit do A-10 possui uma blindagem substancial e é frequentemente referida de The Bathtub.

No entanto, o canhão não é o único sistema de armas do avião. Os pilotos poderão equipar seu Thunderbold com uma vasta gama de sistemas desde mísseis AIM-9L Sidewinder, AGM-65 Maverick, bombas guiadas de 2000 lb GBU-8, bombas convencionais de 500 e 2000 lb, casulos de autocanhões de 20 mm e ainda foguetes Hydra-70. Os pilotos do A-10A terão sempre uma vasta gama de escolhas para desfazer qualquer alvo no campo debatalha.

Como o A-10A não pode confiar na velocidade para sair das zonas de combate para evitar deteção e fogo direto, o avião tem outras contramedidas para tentar compensar. Flares e chaff são as formas mais comuns para confundir os inimigos e o sistema de aviso notifica o piloto de potenciais ameaças antiaéreas na zona de combate. Para além destes sistemas avançados, o cockpit está protegido por uma placa de titânio para melhorar a resistência a fogo inimigo, até mesmo de calibres elevados. Para abater um A-10, os inimigos terão de acertar bem mais que uma simples bala.

A versão de produção posterior dos A-10A Thunderbolt II farão parte da árvore de pesquisa dos EUA, enquanto a versão inicial será premium e já está disponível para pré-reserva! A diferença entre ambos está no armamento, o A-10A inicial possui no máximo dois mísseis AIM-9L, quanto a versão posterior pode ter quatro. Os mísseis AGM-65D estão disponíveis apenas na versão posterior A-10A enquanto a versão premium possui apenas os AGM-65B Maverick.

Pacote pré-reserva - A-10A Thunderbolt (Early)

Pacote Pré-reserva A-10A Thunderbolt (Early)
Pre-order - A-10A Thunderbolt (Early) Pack
O pacote inclui:
  • A-10A (Nível VI, EUA);
  • 2000 Golden Eagles;
  • Conta premium para 15 dias;
  • Bónus Pré-reserva: Camuflagem experimental quadricolor;
  • Bónus Pré-reserva: Título exclusivo "Brrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrt".

 

Ler mais:
XM800T: Destemido
  • 24 maio 2024
FOX-3: Mísseis de Radar Ativo
  • 24 maio 2024
Inferno Cannon: PLZ83-130
  • 24 abril 2024
Veículos do Battle Pass: Kungstiger