8 dezembro 2018

Krasny Krym

O Krasny Krym é um cruzador leve da Classe Svetlana lançado ainda no tempo da Armada Imperial antes da Primeira Grande Guerra. Apesar de se assemelhar muito ao Krasny Kavkaz, o Krasny Krym vai oferecer a seus capitães mais opções táticas já na próxima atualização 1.85!

Resumo: Uma versão ligeira do já familiar Krasny Kavkaz equipado com mais armas de menor calibre, mas menos armas secundárias.

História

O Krasny Krym foi inicialmente lançado à água em 1913 sob o nome Svetlana, e foi o estandarte da sua classe de quatro navios. Os Classe Svetlana foram cruzadores leves destinados à Armada Imperial Russa no Mar Báltico, com ligeiras alterações no desenho em comparação com os Classe Almirante Nakhimov, ao qual o Krasny Kavkaz fazia parte).

No final de 1917, os classe Svetlana estava quase a ficar concluído. Entretanto, o Império Russo colapsava perante revoluções, seguidas da guerra civil, que levou à paragem dos trabalhos de construção. Após o estabelecimento da União Soviética, os trabalhos resumiram em 1924 e com alteração do nome para Profintern.

Os trabalhos no Profintern terminaram em julho de 1928 com um layout muito semelhante ao original. Em vez de ser comissionado na Armada do Báltico como planeado, o Profintern foi atribuído à Armada do Mar Negro em 1929.

Ao longo dos anos 30, o Profintern viu seus sistemas de armamento auxiliar e sistemas de controlo de fogo serem melhorados. Logo após o estalar da segunda guerra, o nome do navio foi novamente alterado em Outubro de 1939 para Krasny Krym.

Krasny Krym, tal como o seu parente Krasny Kavkaz, serviu durante a guerra em várias operações no Mar Negro, mais notavelmente no Cerco de Savastopol e na Operação de Kerch-Feodosiya Operation. Com tal, o navio serviu primariamente como escolta de vários comboios, evacuações e transporte de tropas e bombardeamento de posições inimigas. Pelo seu desempenho, o Krasny Krym foi galardoado com o título de Guarda em Junho de 1942.

Após o final da Segunda Guerra, o Krasny Krym permaneceu no ativo por algum tempo, embora servindo noutras funções em várias ocasiões. Julho de 1959 marcou o final do seu serviço, sendo vendido para abate.

image
image

No War Thunder, o Krasny Krym vai estar disponível a todos os capitães como novo cruzador leve soviético após o lançamento da atualização 1.85. Sendo essencialmente duas classes de navios, o Krasny Krym não parece apenas um Krasny Kavkaz, mas também possui manobrabilidade e proteção semelhantes. A blindagem consiste em 76 mm de aço, com o cinto superior de 25 mm de aço homogéneo e torre com 125 mm.

Quanto a poder de fogo e velocidade, é bem diferente do seu parente. O Krasny Krym consegue 22 nós (41 km/h) quando comparado com os 29.4 nós (54 km/h) do Krasny Kavkaz.

image
Download Wallpaper:

O mesmo não pode ser dito ao nível do poder de fogo. Ao contrário das armas de 180 mm do Krasny Kavkaz, as de 130 mm do Krasny Krym parecem ser inferiores, mas o maior número acaba compensando.

Com isto, os capitães do Krasny Krym terão um total de 15 armas. No entanto, devido ao arranjo das mesmas, os comandantes do Krasny Krym nunca poderão ter todas as 15 apontadas a um alvo, mas apenas 8. Por outro lado, caso seja atacado do lado oposto onde se está a focar, as restantes armas vão estar prontas a disparar. Essencialmente pode enfrentar alvos de ambos os lados do navio!

Ter armas de calibre menor também trás uma vantagem significativa - elevada cadência de tiro, pelo que no final o calibre acaba compensando.

O armamento antiaéreo do Krasny Krym também é comparável ao do Krasny Kavkaz, consistindo em apenas três armas de 100 mm multifunções, quatro autocanhões de 45 mm, dez de 37 mm, duas metralhadoras duplas Vickers de 12.7 mm e quatro metralhadoras pesadas DshK de 12.7 mm.

O Krasny Krym vai ser uma boa alternativa ao Krasny Kavkaz para os capitães que preferem armas de menor calibre sem colocar em causa a capacidade de sobrevivência nos perigosos mares do War Thunder.

O Krasny Krym já está pronto para entrar nas docas dos jogadores na próxima atualização 1.85. Continue de olhos postos nas notícias para saber o que mais pode vir na próxima atualização. Até lá, que os mares estejam consigo!   


More Devblogs:

Arquivos de cookies

Esta página utiliza cookies. Ao continuar a aceder esta página, você concorda com a utilização de cookies.