War Thunder background
Atenção! Esta notícia foi publicada na versão antiga da página. Pode haver problemas com a mostragem da mesma em certas versões do navegador.


Comentários do game designer Kirill Vostretsov:

Os jogadores têm vindo a questionar-nos à já alguns anos quando o Mig-17 será adicionado ao jogo. Agora podemos finalmente revelar esta aeronave e dizer com certezas que irá ocupar o seu lugar no topo da aviação soviética após o Mig-15bis. O Mig-17 é um desenvolvimento do Mig-15bis com a extensão da asa aumentada, o centro de gravidade ligeiramente alterado e algumas novas adições. Estes desenvolvimentos levaram a um aumento da velocidade: o Mig-17 podia mesmo exceder a velocidade do som em mergulho, mesmo não sendo planeado para ser caça supersónico, podia enfrentar os seus oponentes a velocidades à volta de Mach 1.



Comentário do Consultor Histórico Andrei Suvorov:

Para ser justo, o Mig-17 tornou-se o primeiro caça soviético a exceder a velocidade do som em voo plano. (o primeiro a alcançar a velocidade do som foi o La-176 em testes de descida) Foi o Mig-17 que o piloto Valentin Privalov usou para repetir o hooliganismo de Valery Chkalov ao voar de forma exata sob a ponte sobre o rio Ob em Novosibirsk. A punição para este acto do Marechal da União Soviética Mlenkov foi duro e Stalinista: o piloto Privalov não é punido por repetir os feitos de Chkalov, em vez disso é-lhe dado dez dias fora. Mais ninguém conseguiu repetir tamanho truque num caça a jato nos últimos 50 anos.



Comentário do Artista Sergei Golovachev:

A Guerra da Coreia mostrou que os caças Mig-15 e Mig-15bis eram capazes de batalhar qualquer oponente igual para igual. O Mig-17 foi o desenvolvimento do desenho do Mig-15 que provou ser eficaz. Foi decidido aumentar a velocidade do avião através do aumento da extensão da asa, e da fuselagem para manter o centro de gravidade. O Mig-15 e o Mig-17 não possuem quase nenhuma diferença à primeira vista. O protótipo do Mig-17 foi mesmo chamado de Mig-15bis45. No entanto, apenas as partes frontais da fuselagem são as mesmas, da entrada de ar à asa, se não contar com a luz de aterrissagem que foi movida para a asa esquerda e alguns pequenos detalhes.

Estes aviões são diferentes em tudo o resto. É fácil ver a principal diferença quando olhados de cima. Ao comparando os perfis, pode notar que além da diferença no comprimento da fuselagem, há diferenças nas barbatanas da cauda e barbatanas ventrais adicionais, que permite dizer imediatamente que é o Mig-17. A parte superior das barbatanas e dos lemes, os aviões são diferentes, a junção entre a barbatana e o estabilizador também diferem, mas apenas pode ser visto de mais perto. A profundidade da carnagem foi diminuída, pelo que a forma de cigarro foi criada para esconder o cilindro. Além do aumento da extensão das asas, um freio apareceu e as pontas ficaram mais arredondadas, o que ajuda a diferenciar quando olhado de cima ou baixo. Enquanto o Mig-15 tinha duas no topo da superfície das asas, o Mig-17 tem três.

A forma da asa levou a mudanças apropriadas na construção dos flaps. A nova geometria das pernas do trem de aterragem requeria a alteração da cobertura. A estrutura da carlinga também sofreu algumas mudanças. No entanto, as primeiras versões do Mig-17 tinham as mesmas carlingas dos Mig-15bis. Além das mudanças no desenho da carlinga (o que não é notado de longe), foi introduzido um espelho retrovisor que o permitia sr identificado de ainda mais longe. Não há mudanças significativas no cockpit. Em geral, o Mig-17 parece ser mais atraente esteticamente que o seu predecessor.



Envie as suas questões acerca desde devblog aos desenvolvedores. As questões serão analisadas e as mais interessantes respondidas. Claro que as questões deverão ser construtivas e claras. As respostas serão publicadas abaixo a momento oportuno.

Ler mais:
Ganhe o Churchill AVRE no Evento Operação Overlord!
The Shooting Range #411
  • 17 junho 2024
Seek & Destroy: Melhorias e Refinamentos
  • 14 junho 2024
Thunder Show: CLASSIC BOMB vs NUKE
  • 14 junho 2024