War Thunder background
Aeronaves Holandesas e Belgas Juntam-se a Árvore Francesa!

Estamos felizes em anunciar a chegada de uma nova linha composta de aeronaves belgas e holandesas para a árvore aérea francesa! Na grande atualização "Seek & Destroy" estes veículos reforçarão as fileiras francesas, bora dar uma olhada!

A União BeNeLux

A união econômica entre Bélgica, Países Baixos e Luxemburgo foi formalmente estabelecida em 1944, com a intenção inicial de ajudar na recuperação do pós-guerra das três nações, que tinham fortes laços diplomáticos, mercantis e geográficos.

Força Aérea Belga

A Força Aérea Belga foi oficialmente estabelecida em 1946, mas já operava como um braço do Exército Belga desde 1909! Apesar disso, a Bélgica tinha uma força aérea relativamente pequena durante a Primeira Guerra Mundial devido a uma falta generalizada de aeronaves disponíveis, mesmo assim, sua pequena força era composta de vários ases.

Durante o começo da Segunda Guerra Mundial, a Bélgica, de modo similar, estava equipada com apenas uma pequena força de aeronaves mais antigas, que não tinha a menor chance de combater os numerosos caças da Luftwaffe. Apesar da rendição em 28 de maio de 1940, um grupo pequeno de pilotos belgas exilados operaram com a RAF, voando Spitfires e Typhoons.

Na era dos jatos, a Bélgica voou uma variedade de exemplares famosos, e atualmente opera várias versões do amado F-16, como também o novíssimo F-35.

Força Aérea Real dos Países Baixos

Similarmente a Bélgica, a Força Aérea Real dos Países Baixos foi formada em 1953, mas operava como um braço do exército desde 1913. Os Países Baixos se mantiveram neutros durante a Primeira Guerra Mundial e suas atividades aéreas se limitavam ao treino e crescimento da força.

Durante a invasão alemã dos Países Baixos na Segunda Guerra Mundial, a Força Aérea Real dos Países Baixos foi subjugada pelos números superiores da Luftwaffe, perdendo todos os seus aviões de combate e a maioria de seus pilotos. Porém, um número considerável de pilotos holandeses escapou, eles voaram pela RAF e RAAF até o final da guerra. Os pilotos das colônias holandesas nas Índias Ocidentais resistiram ativamente à Força Aérea do Japão e seguiram lutando como parte da Força Aérea Australiana.

Após a fundação oficial da Força Aérea Real dos Países Baixos, suas fileiras foram preenchidas com uma diversa gama de aviões americanos e britânicos, suas versões sendo melhoradas e atualizadas com o passar do tempo para cumprir com os requisitos modernos.

Conheça a nova linha!

Este novo galho da árvore francesa de aviação terá um misto de aeronaves belgas e holandesas. O coletivo é conhecido como BeNeLux, mas Luxemburgo não opera ou operou aeronaves militares historicamente (com exceção a transporte do exército, oficiais e reconhecimento) não sendo representados aqui nessa árvore. Vamos dar uma olhada no primeiro lote de aviões!

Comentário dos Desenvolvedores: Nosso objetivo com a inclusão da linha BeNeLux é dar a França mais opções e versatilidade, permitindo a criação de lineups mais fortes com uma variedade de diferentes veículos. O BeNeLux não tem veículos suficientes para preencher uma árvore completamente por si só, sem causar lacunas significativas nos tipos de unidades e eras, então, para incluir estes veículos no War Thunder, eles virão para auxiliar a árvore Francesa.

A maioria dos veículos entrando nessa linha são britânicos e americanos que foram utilizados historicamente, a linha começa com o familiar Gladiator Mk I, que foi comissionado no final de 1930. A Bélgica receberá uma vasta gama de unidades, incluindo os britânicos Spitfire FR Mk XIVe, Meteor Mk 8, como também os americanos F-104G, F-16A Block 15 MLU! Eles também receberão o Mirage 5BA, uma versão especificamente feita para a Bélgica.

image
image

Os Países Baixos também receberão alguns exemplares interessantes, incluindo o britânico Firefly FR Mk IV, Hunter F.6, e claro o local Fokker G.1A! Essa versão é armada com 8 metralhadoras 7,9 mm no nariz, o calibre pode ser pequeno, mas a concentração de poder de fogo é certamente alta!

image
image

Essas aeronaves serão as primeiras a entrarem nas fileira francesas como parte da nova linha na próxima grande atualização, claro, mais exemplos virão para o jogo no futuro também.

Estamos muito felizes em incluir essas aeronaves e sua histórica única no jogo. Esperamos que nossos jogadores gostem das novas opções de aviões poderosos nas suas lineups com o lançamento da grande atualização Seek & Destroy, então até lá fiquem ligados! Há muito mais a caminho.

Ler mais:
Seek & Destroy: Melhorias e Refinamentos
  • 14 junho 2024
Vextra 105: Suporte de Fogo!
  • 13 junho 2024
CV9035DK: Pistoleiro Nórdico
  • 13 junho 2024
F-4F KWS LV (ICE): Frio e Calculista!
  • 12 junho 2024