War Thunder background
Melhorias ao RWR

Hoje vamos mostrar os trabalhos de melhoria aos sistemas Radar Warning Receivers (RWR) que serão introduzidos ao jogo na próxima atualização Sons of Attila!

Os Radar Warning Receivers são uma parte importante da aviação dos níveis mais altos. Nós recolhemos muito feedback e sutestões relativos ao RWR e com base nisso trabalhámos muito para melhorar esta parte do jogo.

Em geral as melhorias aos RWR tem como objetivo replicar a funcionaldiade dos vários sistemas RWR. Nos modos realístico e simulação os RWR têm agora bandas de frequência detetável, enquanto os mais antigos perdem a capaciade de distinguir o modo de trackin e alguns já não diferenciam entre sinais pulse-doppler e pulse-radar.

Dependendo do modelo do RWR os alvos são identificados de forma diferente e dependendo do tipo de sinal e portador. A maioria dos RWR são capazes de detetar o lançamento de mísseis com orientação semi-ativa e em alguns casos os mísseis em modo silencioso.

Vamos aos detalhes!

Nota importante! — As listas não são finais, pelo que as podemos expandir e clarificar.

Bandas de frequência individual

image

Para cada modelo RWR no jogo nós configurámos a banda de frequências de operação. Por conseguinte, o sucesso da deteção das emissões de RADAR depende agora da sobreposição da banda de frequências do emissor com o recetor. É muito fácil encontrar a banda de frequências passando com o cursor por cima da figura do piloto no hangar em modo Raio-X. Este aspeto da banda de frequência do RWR apenas é relevante nos modos RB e SB. No modo Arcade todos os RWR continuam capazes de detetar todas as bandas de frequência de todos os RADAR. Abaixo listamos os sistemas de aviso de RADAR e exemplos de aviões em que são usados. Para conveniência usamos nomenclatura de bandas ocidental.

Bandas de frequência de RWR de vários aviões:

  • SPO-2 (Su-7B): I
  • SPO-10 (MiG-21SMT): H-J
  • SPO-15 (MiG-29): G-I
  • Detecteur (Mirage IIIE): I-J
  • f95 (Saab A32): I
  • APP-27 (AJ37): E-J
  • APP-73 (JA37): I-J
  • AN/APR-25 (F-4C), AN/APR-36 (A-4E): E, G, I
  • AN/ALR-45 (F-14A): E-J
  • AN/ALR-46 (F-4E): E-J
  • AN/ALQ-73 (F-104S ASA): I-J
  • AN/ALR-56M (F-16A): E-J
  • AN/ALR-67 (F-14B), AN/ALR-69 (A-10A): C-J
  • ARI 18241-1 (Tornado ADV): C-J
  • AN/APR-39 (AH-64A/D): C-M

Deteção de modo de tracking

image

Alguns sistemas mais antigos não serão capazes de detetar o modo de tracking do RADAR. O alvo será mostrado constantemente no indicador mas já não mostrará a linha nem sinal de audio conínuo. Nos modelos RWR mais modernos o modo de tracking ativo será indicado por uma linha do centro do indicador à direção da fonte emissora e a mensagem TRACK será mostrada acima do mesmo indicador.

Lista de modelos com perda de capacidade de deteção de modo de tracking:

  • SPO-2 (Su-7B)
  • SPO Mirage IIIE
  • f95 (Saab A32)
  • APP-73 (JA37)
  • AN/APR-25 (F-4C)
  • AN/APR-36 (A-4E)
  • AN/ALR-45 (F-14A)

Deteção de sinais Pulse-Doppler

image

Dependendo da geração alguns modelos não terão a possibilidade de detetar sinais pulse-doppler. Agora em modo Simulação vários RWR mais antigos também perderão a capacidade de detetar sinais pulse-Doppler. Nos modo realístico e arcade os sistemas poderão detetar mas não identificar tais RADAR.

A pilot is warned about the pulse-Doppler signal and its direction.
O piloto é avisado da presença de sinal pulse-doppler e sua direção.

Listagem de modelos:

  • SPO-2 (Su-7B)
  • SPO-10 (MiG-21SMT)
  • SPO Mirage IIIE
  • f95 (Saab A32)
  • AN/APR-25 (F-4C)
  • AN/APR-36 (A-4E)
  • AN/ALR-45 (F-14A)
  • AN/ALQ-73 (F-104S ASA).

Radar Tracking

Os Radar Warning Receivers simples mencionados apenas providenciam a direção do sinal fonte no momento que é detetado. Um marcador surge após a deteção do sinal e desaparece pouco tempo depois. Em modelos mais avançados como os AN/ALR-46 (F-4E), AN/ALR-56M (F-16A), AN/ALR-67 (F-14B), ARI 18241-1 (Tornado ADV) e AN/APR-39 (AH-64A/D), recriámos o traking para cada fonte e seu movimento relativo ao indicador e com marcadores constantes no mostrador. Quando um novo alvo for detetado, o marcador será circular.

Identificação de alvos

image

Na realidade alguns RWR podem, até certo ponto, identificar os portadores dos RADAR. Esta capacidade depende da geração e do modelo específico. Por exemplo, modelos mais anticos estão desprovidos completamente de capacidade de identificação. Os RWR mais modernos e com indicadores luminosos permitem identificar aproximadamente os tipos dos alvos, embora em situações onde haja vários alvos seja difícil entender precisamente qual alvo foi identificado e em que direção. finalmente, os RWR mais avançados podem identificar alvos diretamente no indicador. O piloto obtém uma figura completa do campo de batalha e para evitar sobreposição de marcadores, eles piscam alternadamente. Também devemos notar que dois RADAR perto um do outro podem ser identificados como apenas um. No jogo e dependendo do modelo do RWR, os alvos podem ser identificados de forma diferente: desde o tipo de sinal ao portador:

  • AI (Air-to-Air) - Fighter
  • PD (Pulse Doppler) - Pulse Doppler Radars
  • A/D (Air Defense) - Air Defense System
  • SAM (Surface-to-Air Missile) - SAM System
  • AAA (Anti-Aircraft Artillery) - Anti-Aircraft Artillery

Lista de modelos sem capacidade de identificação de alvo:

SPO-2 (Su-7B), SPO-10 (MiG-21SMT), f95 (Saab A32).

Identificação e alvos via indicadores luminosos abaixo do indicador de RWR:

AN/APR-25 (F-4C), AN/APR-36 (A-4E), AN/ALR-45 (F-14A), SPO-15 (MiG-29), APP-27 (AJ37), APP-73 (JA37), Detecteur (Mirage IIIE).

Identificação de alvo no indicador:

AN/ALR-46 (F-4E), AN/ALR-56M (F-16A), AN/ALR-67 (F-14B), ARI 18241-1 (Tornado ADV), AN/APR-39 (AH-64A/D).

Deteção de lançamento de mísseis

image

Alguns RWR podem detetar a ativação de canais de iluminação de alvo quando um alvo é bloqueado pelo RADAR e iluminado por sinais continuous-wave ou pulse-doppler para mísseis com orientação semi-ativa. Os RWR também podem detetar a transmissão de comandos de RADIO para mísseis semi-automáticos ar-terra como as várias variantes dos Roland, Volna, Tor e Tunguska. Mesmo se os SAM funcionarem em modo de silêncio, ou seja o alvo é seguido oticamente e não ativa o RADAR de traking, o RWR pode detetar os comandos enviados ao míssil ao longo da sua trajetória. O RWR também pode detetar emissão proveniente de dispositivos de orientação dos mísseis como os AIM-54. No jogo em aviões com tais sistemas RWR os pilotos verão uma linha piscando a partir do centro à direção da fonte de radiação com o texto LAUCH em cima do indicador.

The F-16C is locked on by the MiG-29 radar.
O F-16C é bloqueado pelo RADAR do MiG-29.
The F-14A detects searching radar of enemy  SPA.
O F-14A deteta um RADAR de busca de uma antiaérea.
The pilot is aware of an enemy Pantsir-S1 searching radar that is operating nearby.
O piloto está ciente de um RADAR de busca de uma Pantsir-S1 inimiga nas redondezas.

Lista de RWR capazes de detetar lançamento de mísseis com suas particularidades:

Os modelos seguintes podem apenas detetar o lançamento de mísseis S-125 e os Volna do contratorpedeiro Bravy.

  • AN/APR-25 (F-4C)
  • AN/APR-36 (A-4E)
  • AN/ALR-45 (F-14A)

O modelo SPO-15 presente no MiG-29 pode detetar a iluminação de mísseis orientados a RADAR como os usados nos F-4, MiG-29, F-16 e F-104.

Os modelos seguintes podem detetar a iluminação para mísseis guiados a RADAR para além de todas as variantes Roland, Volna, Tor e Tunguska.

  • AN/ALR-46 (F-4E)
  • AN/ALR-56M (F-16A)
  • AN/ALR-67 (F-14B)
  • ARI 18241-1 (Tornado ADV)
  • AN/APR-39 (AH-64A/D)
Ler mais:
Novos Mapas: Vale Misterioso e Mar de Bering!
  • 30 maio 2024
Kondor II: Abatedor
  • 29 maio 2024
Su-27SM
Pre-order: Leopard 2A4M CAN
  • 28 maio 2024