War Thunder background
Cruzador Pesado Colbert

Conheça o cruzador pesado Colbert - um dos primeiros navios de nível IV da armada francesa e equipado com dois hidroaviões de reconhecimento!

Colbert, Cruzador Pesado, França, Nível IV

Ativos:

  • Proteção medíucre
  • Layout linear de torres primárias
  • Velocidade máxima decente
  • Hidroaviões de reconhecimento
História

A classe de cruzadores pesados francesa Suffren foi desenvolvida para o programa de 1925, quando o Almirantado francês recebeu dados do layout dos cruzadores pesados italianos da Classe Trento que ultrapassava os cruzadores franceses da altura em termos de armadura. O novo projeto foi baseado na Classe Duquesne e previa melhorias na proteção à custa de uma pequena redução na velocidade devido a uma alteração nos geradores. A construção do primeiro navio, o Suffren, foi encomendada ao Arsenal de Brest em 1925, seguido pela encomenda de um segundo cruzador, o Colbert em 1927. No total, quatro navios da Classe Suffren foram construídos.

O cruzador pesado Colbert esteve a maior parte do tempo no Mar Mediterrâneo onde assistiu ao estalar da guerra. Juntamente com as Foch e Dupleix da mesma classe, a Colbert participou no raide a Génova. No momento da assinatura do armistício de Compiègne estava no porto de Toulon, onde afundou juntamente os navios da mesma classe. Devido a um incêndio que deflagrou durante seis dias, o cruzador Colbert foi declarado inadequado para restauro. O navio foi abatido para sucata em 1946-1947.

image
image

O cruzador pesado Colbert será um dos primeiros navios da closed beta da armada francesa do War Thunder. O navio foi desenhado com um olho no Trento, mas a proteção não chegava ao nível da armadura dos cruzadores italianos. Os paiois e casa das máquiinas estava coberta com placas de apenas 50 mm no cinturão, recebendo abenas reforços de 20-25 mm. De acordo com as linhas gerais do projeto, o cruzador tinha de sobreviver a rebentamentos de torpedos, asim como a fogo de artilharia de contratorpedeiros.

O layout geral, incluindo armas e aparência, vêm da classe ao qual se basearam. O cruzador tem quatro torres de duas armas de 203 mm com acesso a munições explosivas e semi-penetrantes, o clássico para navios pré-guerra. A massa de explosivo em ambas as munições é aproximadamente a mesma, pelo que é aconselhável pesquisar as munições semi-AP assim que possível de forma a fazer dano com maior eficácia. Devemos notar também que as torres estão posicionadas acima do convés, permitindo fazer bordadas de artilharia contra navios inimigos.

O cruzador Colbert estará presente no jogo na sua última versão de modernização, com melhor armamento antiaéreo. As 8 armas de 90 mm são responsáveis por cobrir o navio das aeronaves a longas distâncias, enquanto as armas de 37 e 13,2 mm são responsáveis por desfazer os que conseguem aproximar-se.

image
image

Apesar do facto do Colbert ser umd os primeiros navios do nível IV, pode ser equipado com dois hidroaviões de reconhecimento. O navio também tem torpedos, e isso não é algo que todos os cruzadores tenham, especialmente na forma de dois lançadores de três tubos nos bordos na parte central, com um total de 10 torpedos

O cruzador pesado Colbert e outros navios franceses entrarão em closed beta com o lançamento da próxima atualização do War Thunder. Compre pacores de acesso antecipado para ser o primeiro a testar os navios franceses, ganhe bónus especiais e prepare suas tripulações para as mais duras batalhas navais do War Thunder!

Pacote Aigle
Aigle Pack
O pacote inclui:
  • Classe Aigle C, Aigle 1942
  • 1000 Golden Eagles
  • Conta premium para 7 dias
Pacote Duguay-Trouin
Duguay-Trouin Pack
O pacote inclui:
  • Classe Duguay-Trouin, Duguay-Trouin, 1944
  • 2000 Golden Eagles
  • Conta premium para 15 dias
Ler mais:
XM800T: Destemido
  • 24 maio 2024
FOX-3: Mísseis de Radar Ativo
  • 24 maio 2024
Inferno Cannon: PLZ83-130
  • 24 abril 2024
Veículos do Battle Pass: Kungstiger