7 maio 2019

Kuma

 

O Kuma é o navio líder da sua classe de cinco cruzadores ligeiros construídos para  armada imperial japonesa no final dos anos 1910 e inicio dos anos 20. O Kuma será o primeiro cruzador japonês, em breve no War Thunder com a Atualização 1.89!

História

Devido à baixa expectativa do desempenho do cruzador Tenryū por parte do comando naval, e também devido ao surgimento de novos e mais rápidos contratorpedeiros com os quais não estava a par, as desvantagens dos cruzadores ligeiros japoneses tornaram-se evidentes. Estas desvantagens ficaram ainda mais expostas com o lançamento do cruzador norte americano Omaha, que ultrapassava o Tenryū ao nível do armamento.

Em resposta a isto, os estaleiros japoneses reviram o desenho do Tenryū’s e desenvolveram uma versão maior, mais rápida, com maior alcance e poder de fogo. Este novo desenho tornar-se-ia o cruzador ligeiro Kima. Com a aprovação do desenho, os planos de construção dos quatro cruzadores remanescentes Tenryū, assim como três outros cruzadores, foram cancelados e substituídos por cinco Kuma.

O Kuma, o último navio da sua classe, foi lançado à água em Agosto de 1918 e entrou em serviço na armada japonesa em Agosto de 1920. Imediatamente após ser comissionado, o Kuma foi usado na intervenção japonesa na Sibéria contra forças bolcheviques.

No inicio dos anos 30, o Kuma foi reequipado e mais tarde participou em hostilidades na Segunda Guerra Sino-japonesa, patrulhando a costa chinesa e assistindo em operações de desembarque de tropas.

Após o ataque a Pearl Harbor, o Kuma participou na invasão das Filipinas e permaneceu lá até Agosto de 1942. Após um breve reequipamento do navio em Setembro, o Kuma juntou-se às campanhas das Índias Holandesas Orientais e Nova Guiné, transportando tropas e efetuando patrulhas nas águas locais até ao final de 1943.

Em Janeiro de 1944 e logo após sair de Penang, o Kuma esteve sob ataque de torpedos do submarino britânico HMS Tally-Ho. O Kuma foi acertado duas vezes, resultando em danos e subsequentes detonações que selaram o seu destino..

Kuma. Cruzador ligeiro, Japão, Nível IV.

Prós

  • Capaz de recarregar torpedos em batalha
  • Velocidade elevada
  • Poder de fogo primário decente

Contras

  • Fraco armamento antiaéreo
image
image

No War Thunder, o Kuma vai estar disponível a todos os capitães na linha de cruzadores ligeiros no nível IV. Com menor deslocamento que outros cruzadores do jogo e com melhor manobrabilidade e poder de fogo, o Kuma é um navio perfeito para todo o tipo de capitães, tanto para novatos com cruzadores como para os veteranos.

Ao contrário dos cruzadores leves de outras nações no jogo, o Kuma leva a sério o quão ligeiro é. Embora o deslocamento médio dos cruzadores seja de 6970 toneladas, o Kuma tem apenas 5500 toneladas. Este reduzido deslocamento associado aos 90 000 cavalos de potência das suas turbinas, dá ao Kuma uma velocidade de 36 nós (67 km/h) e uma agilidade incomparável.

Embora uma boa mobilidade seja certamente bem vinda para qualquer navio, os capitães do Kuma aprenderão rapidamente que a sobrevivência e desempenho em batalha estão intimamente ligadas à mobilidade. Embora a proteção do navio seja mediana, 63 mm de blindagem na cintura e 32 mm nos compartimentos de munições, ele está protegido o suficiente para combater outros navios de menor dimensão.

Com apenas dois canhões de 80 mm multifunções e duas metralhadoras como armamento auxiliar, o navio apresenta-se como uma presa fácil para pilotos experientes e capitães de torpedeiros hábeis. Os capitães do Kuma terão de estar vigilantes e aproveitar a sua mobilidade manobrar para evitar dano severo.

No entanto, em contraste com o armamento auxiliar, o armamento primário e torpedos são formidáveis, especialmente se usados em conformidade com a sua mobilidade. O Kuma está equipado com sete canhões de 140 mm, dos quais cinco podem disparar apontar para ambos os bordos. O navio também está equipado com quatro lançadores duplos de torpedos de 533 mm em ambos os bordos. Estas plataformas conseguem rearmar torpedos mais rapidamente que outras de outros navios.


A Equipe War Thunder

Devblogs anteriores:

Arquivos de cookies

Esta página utiliza cookies. Ao continuar a aceder esta página, você concorda com a utilização de cookies.