War Thunder background
SO.8000 Narval
Atenção! Esta notícia foi publicada na versão antiga da página. Pode haver problemas com a mostragem da mesma em certas versões do navegador.

A França planeou novos porta-aviões, mas necessitava de novos aviões para eles - e o SO.8000 Narval foi um caça twin-boom, pusher-prop destinado a colmatar esta lacuna. No entanto, apesar de não passar de protótipo, os pilotos do War Thunder poderão pilotar este poderoso avião Francês na atualização 1.73!


Os usuários de PS4 poderão comprar o bundle SO.8000 Narval após o lançamento da atualização 1.73. A data do lançamento será anunciada mais tarde.

História

Ao se aperceber do valor estratégico dos porta-aviões na Segunda Guerra, especialmente no teatro do Pacífico, a França apressou-se a montar a sua própria armada de porta-aviões antes mesmo da Segunda Guerra terminar. Logo após a libertação da França, a Grã-Bretanha forneceu à armada francesa um dos seus porta-aviões de escolta, o HMS Biter, a que os franceses chamaram Dixmude. Desejosos de demonstrar o poder da renascida armada francesa às colónias ultramarinas no pós-guerra, os franceses começaram em breve a construir os seus próprios porta-aviões. Naturalmente que a construção de novos porta-aviões exigira novos aviões. A industria da aviação francesa, que se estava a reconstruir rapidamente após a guerra, respondeu ao chamamento e apresentou vários desenhos para os militares no final dos anos 40.

Uma de tais propostas foi o SNCASO SO.8000 Narval. Avião multifunções que podia ser facilmente transformado num caça, avião de ataque, bombardeiro rápido ou reconhecimento, com vários conjuntos de diferentes armamento e equipamentos. Como o desenho era baseada numa configuração twin-boom pusher-prop, foi classificado como demasiado ortodoxo para um desenho de avião para porta-aviões. Mesmo assim, o avião prometeu um excelente desempenho, pelo que os oficiais deram ao projeto luz verde e ordenaram 2 protótipos para testes. Apesar de ambos os protótipos terem sido construídos no final de 1948, o voo inaugural teve de ser atrasado por vários meses devido à elevada complexidade do desenho, e os problemas e defeitos foram rapidamente corrigidos pelos engenheiros da SNCASO. Eventualmente a 1 de abril de 1949, o Narval descolou. No final de 1949, o Narval estava pronto para passar aos testes militares oficieis. Estes testes mostraram que o Narval, apesar do seu excelente desempenho, não era muito adequado para operações em porta-aviões. O handling difícil em termos gerais, assim como a visibilidade limitada no cockpit em operações de descolagem e aterrissagem, tornaram muito difícil a sua operacionalidade até mesmo com pilotos muito experientes. Tal como seria esperado, após falhar nos testes, os militares franceses rapidamente perderam a fé no desenho. Ironicamente, vários anos mais tarde nos anos 50, a França adquiriu vários Sea Venoms da Grã-Bretanha, com o mesmo conceito do SO.8000.


No War Thunder, o Narval será um dos primeiros representantes da futura nação francesa no jogo, colocado como premium no nível IV. Não são necessários olhos de especialista para dizer que o Narval foi construído com a velocidade e desempenho em mente. Se à primeira vista parece rápido, está correto, é mesmo! Ele é capaz de atingir cerca de 700 km/h em voo nivelado, sendo capaz de competir com os mais variados rivais em batalhas de nível elevado. No entanto, não é apenas rápido. O Arsenal 12H, uma adaptação francesa do motor alemão Jumo 213A é capaz de produzir uns impressionantes 2300 cavalos de potência em WEP. Embora isto possa parecer muito, não se deixe enganar, o Narval, com sua massa a rondar as 6.5 toneladas, não é um avião leve.


wallpaper:  1280x1024 | 1920x1080 | 2560x1440


Falando de papeis de combate, o Narval tinha como objetivo desempenhar vários papeis, desde o clássico caça a todas as formas de bater terreno e interdição. Para conseguir isto, o Narval está equipado com um equipamento primário de seis canhões de 20 mm na frente da fuselagem abaixo do cockpit. Este arranjo ajuda a minimizar problemas relacionados com a dispersão horizontal das balas, e graças a isto, fazer deflexão de tiros a elevada velocidade irá ser apenas uma questão de habilidade individual do piloto. Para complementar o armamento primário em missões de ataque ao solo, o Narval pode ser equipado com um par de bombas de elevado calibre ou vários rockets não guiados. Isto permite ao avião influenciar as batalhas combinadas e apresentar-se como uma força a ser respeitado.

A França está chegando na próxima atualização do War Thunder, e o SO.8000 Narval será apenas uma das interessantes máquinas franceses a chegar em breve. Até mais!


Siga os nossos devblogs para saber mais de outras adições ao War Thunder na atualização 1.73:


A Equipe War Thunder

Ler mais:
Battle Pass: USS Flagstaff
  • 17 abril 2024
RN Bolzano: O Último Cruzador
  • 18 março 2024
Imperial Flagship: SMS Baden
AH-1W Super Cobra

Comentários (0)

A notícia já não está disponível para comentar